ÁLBUM 3

O terceiro disco do Anarkaos está todo na internet, mais específicamente no soundcloud – empresa alemã sediada em Berlim, para escutar ou fazer download das faixas. Para quem deseja baixá-lo de uma só vez é só entrar no megaupload – empresa de downloads e uploads sediada em Hong Kong, neste link aqui http://www.megaupload.com/?d=OTOYC0N4
divirta-se com as músicas.
Este é o meu último post neste blog. Encerro minhas atividades com o Anarkaos aqui. Penso que cada um da banda deve seguir seu caminho, se não, manifestações ocorrerão nos comentários ou posts a seguir. Peço desculpas se ofendi ou maltratei alguém nesses anos de banda. Obrigado Saimon Ribeiro pela Tuba em Lesco Lesco, Obrigado Paulo Márcio – Paulinho, pela paciência e pelo Trompete em O Ministro do Funk. Obrigado a todos e “o futuro a Deus pertence”.
B.

Abaixo um protótipo de capa e contra-capa para o disco. No megaupload está em alta resolução para quem desejar imprimir.

ANARKAOS

ANARKAOS

ANARKAOS

ANARKAOS

ANARKAOS

ANARKAOS

01 – OPALA CAPA PRETA

02 – OLHOS MARINHOS

03 – LESCO LESCO

04 – O MINISTRO DO FUNK

05 – BELO HORIZONTE

06 – MR. CLEAN

07 – FRIDA ABERTA

08 – LUTO 777

Branco.

Anúncios

11 Respostas to “ÁLBUM 3”

  1. Paulo Says:

    Muito obrigado ao Adriano, ao Branco e ao Warlen pelos 15 anos de convivência, loucura e aprendizado.

    Que a Luz permaneça em nossas estradas.

    Paulo Lima.

  2. cutter Says:

    a alegria de ver um post novo no blog foi-se acabando enquanto eu o lia. estou baixando o álbum aqui, depois comentarei sobre ele.

    enfim, aguardo o dia (mesmo que aguarde eternamente!)em que verei vocês tocando de novo pra galera!

    enquanto isso não acontece, eu gostaria de pedir pelo menos que continuassem a postar aqui no blog , nem que seja para falar sobre música em geral, ou manter contato com os leitores/fãs da banda…

    tudo de bom para todos!

    (aproveitando o momento, queria pedir desculpas pro branco mais uma vez pela sua fita do cure que eu quebrei quando era novo, e agradecer pelo livro do direito autoral no show business; até hoje de vez em quando dou umas re-lidas nele, principalmente agora que eu entendo mais um pouquinho dos termos contidos no livro)

  3. Lalinho Says:

    Me senti um paciente com uma doença terminal agora, quando o médico chega e fala “tenho uma notícia boa e uma ruim”. Ainda estou no download do disco, mas pelas faixas que já ouvi tenho certeza que o material completo deve estar excelente. Mesmo com o divórcio, o MK Vera já está grandinho e entenderá que independente dos caminhos de cada um, vamos continuar prestigiando e apoiando os seus trabalhos.

    Só uma dúvida: qual o nome do cd? Album Branco?

  4. Lívia Thoonayt Says:

    Impossível postar um comentário feliz. Ou triste.

    OBRIGADA

  5. Lincoln Says:

    Cd maravilhoso. É, sem dúvidas, o melhor cd da carreira do Anarkaos. É com tristeza que vejo o fim assim. O fim do disco, a última música (Luto 777), é emocionante, principalmente nas circunstâncias. Meus mais sinceros parabéns por tudo que fizeram durante esse tempo de banda. Como disse o Lalinho, o Mk Vera entende, e vai apoiar a banda incondicionalmente, sempre. Só me resta agradecer pelos bons momentos proporcionados a nós, fans. Quem dera se eu, com a “ainda jovem” Triade e seus poucos mais de dois anos de banda, conseguir trilhar metade do caminho que vocês trilharam.

  6. Lalinho Says:

    Agora terminei de ouvir o cd… Luto 777 é realmente linda, a única que eu ainda não conhecia. Vocês tem as manhãs de fazer cds do jeito que eu gosto: começando com músicas super agitadas (Nó, Camisa de Força, Opala) e no final nos deixando com uma suave melancolica (Outsider, Junkie e agora a Luto 777). Bateu uma imensa tristeza aqui agora…
    Parabéns pelo magnifíco trabalho!

  7. Paulo Says:

    Oi, moçada!

    O Anarkaos existiu por causa de dois motivos: amor pela música e vocês. Nunca vai existir um público tão amigo e bacana. Nossos shows eram verdadeiras celebrações de rock e energia fraternal. Nos vemos pela vida afora!

    Aê, Lalinho! O nome do álbum é Anarkaos.

    Forte abraço a todos.

  8. Ariálisson Tchô Says:

    Pois bem. Fico triste ao ver o fim de uma banda q marcou minha geração de uma forma tão bela, não por ser a banda mais ouvida da internet, ou a banda da loucura mal falada, mas por ser um grupo da minha cidade que produzia a música q os meus ouvidos gostam de ouvir. Eu sei que todo fim é triste e que não dá nem pra gente pra explicá-lo de alguma forma, mas busco conforto nas palavras do sábio escritor mineiro que um dia cravou no título de uma de suas obras, sábias palavras aprendidas no cotidiano tão urbano dos tempos rurais: “No fim dá certo, se não deu certo é porque ainda não chegou ao fim”. Vocês foram uma banda que deu certo e justamente, por isso, seria difícil não alcançar um final. Parabéns, Adriano, Branco, Paulo e Warley pelos 15 anos de uma saudosa carreira que ficará para sempre guardada em nosso MP3 cerebral.

  9. Paulo Says:

    Em tempo: a letra de “Belo Horizonte” é do poeta belorizontino César Gilcevi, publicado em coletânea do Instituto Camões e ex-membro da banda Carolina Diz.

  10. André Salviano Says:

    Sem palavras ou Cem palavras para tentar explicar o sentimento que sinto agora…

    só posso dizer que a Anarkaos marcou e influenciou no meu gosto musical desde da minha infância.. e tenho certeza que os dois CDs já lançados e esse ultimo que está aí vai influenciar e marcar muitas pessoas.

    Drixs, Warlen, Branco e Paulo saibam que a Anarkaos fez, faz e vai continuar fazendo história…

    Sucesso!

    Abrçs! Obrigado!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: